quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Nada como um dia após o outro



Olá. Venho aqui hoje nesta data curiosa (09/09/09) falar mais sobre mim. Não vou me estender muito, pois acho que nem tenho tanto pra falar assim. Os dias têm passado nublados e vagarosos na minha percepção. Todos os dias eu tenho refletido sobre o que aconteceu e é claro que cada vez mais a intensidade dessas reflexões tem diminuído. Nada como o tempo pra ajudar e acalmar situações complexas de nossa vida.

A situação passada foi triste pra mim. Já passei por outros maus bocados, mas nada comparado à perda da minha irmã. O que me conforta, como já disse, é que tenho confiança e certeza de que ela está em um lugar muito bom. Os laços familiares têm me ajudado a evoluir, assim como as mensagens e as visitas de amigos preocupados com o meu bem-estar. Recebi mensagens até de quem eu nunca mais tinha entrado em contato. Coisa surpreendente mesmo.

A vontade de superar, o carinho da família, o apoio dos amigos e principalmente a fé em Deus são elementos fundamentais para uma evolução, afinal, a vida continua. Sei que Deus nos testa a todo momento e não nos põe uma situação em que não vamos dar conta. Acredito que agora a minha irmã pertence a outra realidade e não me cabe prendê-la aqui. A saudade ficará com certeza. E um dia nós nos reencontraremos!


QUANDO O SOL BATER NA JANELA DO SEU QUARTO
Legião Urbana
Composição: Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá

Quando o sol bater
Na janela do teu quarto,
Lembra e vê
Que o caminho é um só,

Porque esperar
Se podemos começar
Tudo de novo?
Agora mesmo,

A humanidade é desumana
Mas ainda temos chance,
O sol nasce pra todos,
Só não sabe quem não quer,

Quando o sol bater
Na janela do teu quarto,
Lembra e vê
Que o caminho é um só,

Até bem pouco tempo atrás,
Poderíamos mudar o mundo,
Quem roubou nossa coragem?
Tudo é dor,
E toda dor vem do desejo,
De não sentimos dor,

Quando o sol bater
Na janela do teu quarto,
Lembra e vê
Que o caminho é um só.

Um comentário:

*Teresa Cristina* disse...

Olá Roberto, td bem?
Meus sentimentos a vc e tua família.
De fato é verdade a saudade é o amor q fica e q vai se acomodando até parar de doer, ficará sempre ali presente, mas sempre a lembrança de carinho haverá, é o fato mais certo de toda nossa vida, mas não conseguimos aprender a conviver com este fato ainda, mas caminhemos, pois como diz a canção o caminho é um só.
Um belo dia pra ti
Bjs